UBER – Economia Colaborativa

Economia compartilhada: o que é e exemplos
25 de março de 2020

A Uber chegou para revolucionar a forma de se locomover no Brasil e no mundo. O aplicativo que conecta motoristas a passageiros é um dos ícones da economia colaborativa.

Além disso, no atual quadro de recessão e desemprego no Brasil, transformou-se em uma alternativa para quem perdeu o emprego ou quer fazer uma renda extra. Mas, como ganhar dinheiro como Uber? É uma boa pergunta.

O app permite que você ganhe dinheiro para dirigir seu próprio carro. É simples e fácil de usar. Quando quiser fazer renda extra, basta buscar um passageiro.

Os pagamentos são semanais e é possível ver quanto se ganha por viagem. Uma das vantagens é a flexibilidade. Sempre na hora que for mais vantajosa para você, seja dia ou noite.

Com a Uber você assume o controle de começar ou parar de trabalhar quando quiser. Através desse sucesso, um novo nicho de mercado passou a ser mais explorado.

Quanto ganha um motorista da Uber?

De acordo com a Uber, o motorista ganha, em média, R$20 por cada hora trabalhada. Parece pouco, não é?

Realmente é pouco, mas é apenas uma média com base nos ganhos diários de centenas de motoristas.

Lembre-se que em muitos casos um motorista em uma hora trabalhada pode ter conseguido, com apenas uma corrida ou mais, fazer R$40.

Porém, na hora seguinte ele pode não ter feito nada, então dividindo os R$40 pelas duas horas trabalhadas, no final das contas ele fez R$20 por hora.

Alguns motoristas ainda vão além, se dedicando mais à atividade. Com uma jornada de 10 a 12 horas por dia, a receita pode chegar a cerca de R$1.700 semanalmente.

Em um mês, esse motorista teria uma receita aproximada de R$7 mil – já descontando as taxas de 20% para a categoria UberBlack e de 25% do UberX.

Essas duas modalidades, de acordo com a empresa, são as mais solicitadas pelos passageiros.